Toda solidariedade aos trabalhadores brasileiros mobilizados contra o desmonte da previdência.

15/3/2017

 

 

 

Hoje, 15 de março, milhões de trabalhadores no Brasil estão mobilizados contra a tentativa de desmonte da previdência orquestrada pelo governo Temer. São milhares de categorias, sindicatos, organizações e associações paralisando suas atividades por 24 horas na tentativa de mostrar ao Capital e aos governos que não aceitam a retirada de direitos e a precarização da vida.

Proposta e cogitada ainda durante o governo Dilma (1), continuação da reforma da previdência do governo FHC, sancionada por Lula (2), essa reforma da previdência tem por finalidade auxiliar na recuperação das taxas de lucro da burguesia, aumentando o tempo de trabalho para aposentadoria dos trabalhadores brasileiros e reduzindo os valores de benefícios recebidos pelos aposentados e pensionista, conforme o quadro abaixo (3):

 

Após anos de uma falsa representação e apassivamento das lutas (4), a partir de um governo que agia em nome dos trabalhadores, mas não em favor deles, mediante os ataques, a classe trabalhadora brasileira vai novamente se despindo do véu institucional e da ilusão do crescimento econômico que apenas beneficiou uma classe (a burguesa) e retoma o caminho da luta independente em relação aos governos e autônoma em relação dos partidos, paralisando setores importantes da produção de mercadorias e da circulação destas, buscando pressionar a burguesia e os governos para a necessidade de que não sejam atacados os direitos outrora consolidados pela classe trabalhadora através da luta.

 

O exemplo e a lição que os trabalhadores brasileiros dão para os trabalhadores portugueses nesse momento é que não se pode ter ilusões com nenhum governo que ocupa o comitê de gestão dos interesses políticos da burguesia, e que a única saída é a mobilização, ou seja, que A LUTA É A ARMA DO POVO!

 

A Plataforma Laboral e Popular, em sua vocação internacionalista, deseja aos e às trabalhadores e trabalhadoras brasileiros muita força e que sejam vitoriosos na luta contra os ataques do Estado da burguesia.

 

 

 

(1) http://g1.globo.com/politica/noticia/2016/01/dilma-diz-que-governo-vai-em-busca-de-reequilibrio-fiscal-e-crescimento.html 

 

(2) http://veja.abril.com.br/blog/reveja/reforma-da-previdencia-o-que-lula-ensinou-em-2003-e-o-que-o-brasil-aprendeu-em-2005/

 

(3) http://www.intersindical.org.br/mobilizacao/noticias2/item/1317-jornal-nacional-da-intersindical-fevereiro-marco-de-2017-acabar-com-a-previdencia-e-os-direitos-trabalhistas-e-isso-que-o-governo-temer-quer

 

(4) http://pcb.org.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=5659

 

 

Partilhe no Facebook
Partilhe no Twitter
Partilhe no Linkedin
Please reload